Notícias

O Módulo é 1º Lugar do Prêmio Empresa Inclusiva no 8º Fórum Municipal da Pessoa com Deficiência


07
dezembro 2018

No dia 3 de dezembro aconteceu no Teatro Mario Covas, o 8º Fórum Municipal da Pessoa com Deficiência, no qual o Módulo foi destaque ao receber 1º lugar do Selo Empresa Inclusiva, na categoria Grande Porte.

O prêmio, que é concedido para as empresas do munícipio que se destacaram em ações de acessibilidade e de empregabilidade de pessoas com deficiência e idosos, é de extrema importância para o Módulo. Isso porque só vem afirmar como a instituição se preocupa e respeita as pessoas com deficiência no sentido de melhor acolhê-los.

Seja em relação aos espaços físicos, com o objetivo de democratizar suas dependências ao eliminar qualquer tipo de barreira, ou em relação as atitudes ao promover e realizar palestras e cursos ligados ao tema.

O Módulo, além de se preocupar com o projeto arquitetônico que deve ser adequado para receber pessoas com deficiência, também se preocupa em dar apoio psicológico e psicopedagógico, tanto aos seus professores, funcionários e principalmente alunos. Por isso mantém em sua unidade o NAPP – Núcleo de Apoio a Psicológico e Psicopedagógico.

Sendo a responsável pelo setor, a Professora e psicóloga Dra. Divina de Fátima dos Santos, entre os cuidados oferecidos pelo NAPP, pode-se citar o acompanhamento de jovens estudantes com dificuldade de aprendizagem, autistas, Déficit de Atenção e Hiperatividade, além das demandas psicológicas como bipolaridade, depressão, entre outras.

Por isso, todos do Módulo se sentem satisfeitos e orgulhosos de receber tal premiação, pois ela só vem confirmar o grande esforço que a instituição vem fazendo para que toda a comunidade acadêmica e seu entorno sintam-se bem, livres, e principalmente vivos e respeitados em todos seus espaços.

 

Desta forma, o Módulo agradece a todos os idealizadores e aos organizadores do 8º Fórum Municipal da Pessoa com Deficiência.

 

Desde a prefeitura de Caraguatatuba, ao SEPEDI – Pessoa com Deficiência e ao Idoso, como ao Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (Comdefi).

 

Agradece também a iniciativa do município em promover eventos como esse, pois iso, certamente a cidade se educa, se torna mais humana e vibrante na perspectiva de vivenciar em sua plenitude os Direitos Humanos em todas as suas formas e espaços para todos os habitantes do município.

 

Veja fotos do evento: